A suplementação de vitamina D é indicada somente para pessoas que têm deficiência do nutriente.

Entretanto, algumas pesquisas têm mostrado que a hipovitaminose D (deficiência de vitamina D) acomete boa parte da população mundial.

A vitamina D exerce funções biológicas importantes para o corpo, garantindo saúde e bem estar. Por isso, a deficiência de vitamina D precisa ser identificada e corrigida com a reposição do nutriente, e o uso de suplementos de vitamina D é uma alternativa eficaz nesse sentido.

Como a suplementação é a alternativa terapêutica mais utilizada para o tratamento da hipovitaminose D, a qualidade do suplemento é essencial para a eficácia do tratamento.

Nesse artigo, você vai entender melhor o que é vitamina D, qual a sua importância para o organismo, as consequências da sua falta e irá aprender como escolher a melhor vitamina D.

Qual a melhor vitamina D? Saiba como escolher

A qualidade do suplemento é fundamental para a eficácia do tratamento.

Por se tratar de uma condição grave de saúde, a falta de vitamina D deve ser tratada com seriedade e um suplemento com baixa qualidade pode prejudicar o tratamento.

Para saber como escolher a melhor vitamina D, você deve ficar atento a alguns critérios:

Tipo de vitamina D

Para escolher a melhor vitamina D, dê preferência àquelas com vitamina D3. Fonte da imagem: Freepik.

Apesar de tanto a vitamina D3 e D2 terem funções biológicas equivalentes, a vitamina D3 parece suprir melhor as necessidades diárias e ser melhor absorvida pelo organismo.

Por isso, na hora de escolher a melhor vitamina D para você, fique atento ao tipo de vitamina D que aquela marca em questão oferece.

Forma de apresentação

O suplemento de vitamina D pode ser em cápsulas, comprimidos, gotas ou gomas. Fonte da imagem: Freepik.

Os produtos podem ser comercializado em gotas, cápsulas, comprimidos e até em gomas.

Por isso, fique atento à forma como as marcas comercializam os produtos.

Crianças, por exemplo, geralmente têm resistência ao uso de cápsulas e comprimidos, o que torna o suplemento em gotas ou em gomas mais interessante para esse caso.

Tipo de gordura

Opte por suplementos com veículo de gordura saudável, como o azeite de oliva. Fonte da imagem: Freepik.

A vitamina D é um hormônio lipossolúvel, ou seja, é melhor absorvido em ambiente gorduroso. Por conta disso, os suplementos contam com algum tipo de gordura na sua formulação.

Lembre-se de observar o tipo de gordura utilizado no suplemento. Opte por aquelas gorduras que não são prejudiciais à saúde, como o TCM (triglicerídeos de cadeia média) ou azeite de oliva.

Algumas marcas utilizam óleo de soja, óleo de milho ou óleo de coco.

Concentração

Na hora de escolher a melhor vitamina para você, atente-se à concentração de vitamina D por cápsula.

De acordo com a prescrição médica, há uma concentração diária que você deve consumir.

A depender da concentração da cápsula escolhida, você vai precisar tomar somente uma ou mais de uma cápsula. Assim, não deixe de observar atentamente esse detalhe.

Geralmente, as marcas comercializam cápsulas com vitamina D3 2.000 Ui, mas existem outras que comercializam uma concentração de 10.000 Ui.

No caso das gotas, em regra, cinco gotas equivale a 2.000 Ui.

Adição de outros nutrientes

Alguns suplementos vem com a adição de mais nutrientes. Fonte da imagem: Freepik.

Algumas opções de suplementos de vitamina D contam com adição de outros nutrientes, como vitamina K2.

A vitamina D e a vitamina K2 atuam melhor em conjunto. Como a vitamina D aumenta a absorção do cálcio, esse cálcio precisa ser direcionado aos ossos, que é o seu destino.

Quando não bem direcionado, o cálcio pode se depositar nas paredes dos vasos sanguíneos e acabar causando doenças cardiovasculares.

A vitamina K direciona melhor o cálcio. Por isso, optar por suplementos com adição de vitamina K2 tende a melhorar os efeitos da vitamina K.

Custo benefício

Quer saber qual a melhor vitamina D? fique atento ao custo-benefício. Fonte da imagem: Freepik.

Ao escolher a melhor vitamina D para você, você quer pagar o menor preço possível pelo melhor produto, não é mesmo?

Para escolher a melhor vitamina D com o melhor custo benefício, você deve levar em consideração todos os itens anteriores, a quantidade de cápsulas (ou comprimidos, ou gotas) e concentração oferecidas em cada frasco + um preço justo.

Por vezes, vale mais a pena comprar um frasco com 120 doses, que garante a suplementação de quatro meses do que comprar um frasco com 30 doses, para apenas um mês. Na maioria das vezes, há um desconto na compra de quantidades maiores.

Confira quais são as melhores vitaminas D

Se você quer encontrar a melhor vitamina D para você, não deixe de conferir este guia com as melhores vitaminas D:

Vitafor

Vita D3, o suplemento de vitamina D da Vitafor. Fonte da imagem: Amazon

O suplemento da Vitafor é a vitamina D3 (colecalciferol), em cápsula, com concentração por dose 2.000 Ui e a gordura utilizada como veículo é o TCM.

A Vitafor também conta com uma versão em gotas.

Segundo a marca, o produto:

Confira o preço na Amazon

Pura Vida

A marca Pura Vida conta com duas opções do suplemento: em gotas e em cápsulas.

Gotas:

D3 + K2, vitamina D em gotas da Pura Vida. Fonte da imagem: Amazon

A opção em gotas vem em um frasco de 20 mL. O suplemento tem sabor de limão e tem adição de vitamina K2 em sua composição.

Segundo a marca, em uma dose de 5 gotas, você encontra vitamina D3 2000 Ui, e 30 mcg de vitamina K2.

O veículo utilizado é o TCM e a vitamina é a do tipo D3.

Confira o preço na Amazon

Cápsulas:

Vitamina D3 Synergy, vitamina D em cápsulas da Puravida. Fonte da imagem: Amazon

A opção em cápsulas conta com embalagem que vem com 60 cápsulas, com concentração de 2000 Ui por cápsula.

O produto também conta com a adição de vitamina A, vitamina K2 e magnésio.

A gordura utilizada como veículo é o óleo de girassol.

Confira o preço na Amazon

Mais Mu

Suplemento de vitamina D da +Mu. Fonte da imagem: Amazon

O suplemento da marca Mais Mu conta com 60 cápsulas de 0,5 g cada e concentração de 2000 Ui.

O tipo utilizado é o colecalciferol. A marca não informa o tipo de veículo utilizado.

Segundo a marca, o produto estimula a proliferação de células de defesa e da produção de substâncias antimicrobianas, pode ajudar na formação de ossos e dentes, contribui para o funcionamento muscular e mantém os níveis de cálcio e fósforo normais no sangue.

Confira o preço na Amazon

Essential

A marca Essential conta com duas opções de vitamina D: em cápsulas e em goma.

Cápsulas:

Essential D3, vitamina D em cápsulas da Essential. Fonte da imagem: Amazon

A versão em cápsula conta com 120 cápsulas e usa o tipo D3. Como veículo, utiliza TCM (triglicerídeos de cadeia média) e azeite de oliva.

Segundo a marca, o suplemento:

Confira o preço na Amazon

Goma:

Vitamini D3, vitamina D em gomas da Essential. Fonte da imagem: Amazon

A versão em gomas conta com 60 gomas, de 3 g cada e concentração de 4000 Ui por goma (dose). Também é feita do tipo vitamina D3.

As gomas tem formatos diferentes (de ursos) e sabores de manga, morango e maçã verde, o que é muito atrativo para as crianças.

Confira o preço na Amazon

Nutrata

Vitamin D3 2000Ui, suplemento de vitamina D da Nutrata. Fonte da imagem: Amazon

O suplemento da Nutrata, em cápsulas, conta com 60 cápsulas de vitamina D3 2000 Ui por dose.

A gordura utilizada como veículo é o TCM.

Segundo a marca, o produto auxilia na melhora de cãibras, alucinações, ossos fracos, palpitações cardíacas, depressão e falta de memória.

Confira o preço na Amazon

Sundown Naturals

Vitamina D 2000Ui, suplemento de vitamina D da Sundown. Fonte da imagem: Amazon

Neste caso, o suplemento é comercializado em cápsulas. O frasco contém 200 cápsulas de 2.000 Ui por dose.

Segundo a marca, o produto melhora a saúde dos ossos e imunidade.

A gordura utilizada como veículo é o óleo de soja.

Confira o preço na Amazon

Performance Nutrition

D3 2000Ui, suplemento de vitamina D da Performance Nutrition. Fonte da imagem: Amazon

O suplemento da marca Performance Nutrition é uma vitamina D3 2.000 Ui por dose.

Em sua fórmula, também conta com a adição de vitamina E, que é eficiente na melhora da imunidade, ações antioxidantes e anti-inflamatórias.

Também ajuda a melhorar a pele e cabelo e previne doenças cardiovasculares.

O TCM é utilizado como veículo para melhora da absorção.

Segundo a marca, o suplemento auxilia na manutenção dos níveis de cálcio e divisão celular.

Confira o preço na Amazon

Vitgold

Ultra D3 2000Ui, suplemento de vitamina D da Vitgold. Fonte da imagem: Amazon

O produto da Vitgold conta com 60 cápsulas de vitamina D3 2000 Ui por dose.

O veículo utilizado é o óleo de soja.

Segundo a marca, a ingestão regular do produto auxilia na formação de ossos e dentes, na absorção de cálcio e fósforo, no funcionamento do sistema imune e muscular.

Confira o preço na Amazon

FAQ

Qual é a melhor vitamina D para melhorar a imunidade?

De maneira geral, a suplementação com vitamina D comum já tende a melhorar a imunidade.

Entretanto, existem algumas versões que são adicionadas de outros nutrientes, como vitamina K, zinco e magnésio, que potencializam ainda mais esse efeito.

Qual é o melhor horário para tomar o suplemento?

Não existe um horário ideal para tomar a vitamina D. Contudo, não é indicado tomar vitamina D após às 17h.

Ao tomar o suplemento após às 17h, o sono pode ser prejudicado. A vitamina compete com os mesmos receptores da melatonina, que é o hormônio do sono. Por isso, pode acabar gerando insônia (mas somente se tomada próximo ao horário de dormir).

O que causa a perda de vitamina D?

Além da falta de ingestão de alimentos ricos no nutriente e falta de exposição ao sol, algumas outras condições estão relacionadas à queda da vitamina D.

Doenças gastrointestinais, que prejudicam a absorção de nutrientes, obesidade, cirurgia bariátrica e o uso de alguns medicamentos podem provocar a queda dos níveis do nutriente.

Por isso, é importante que esses grupos, por serem de risco, façam o uso da suplementação.

Ao tomar vitamina D (suplemento), não há necessidade de exposição ao sol. Fonte da imagem: Freepik.

Quem toma o suplemento precisa tomar sol?

Não. Quando se faz o uso de suplementos de vitamina D, não há a necessidade de tomar sol.

Vitamina D com óleo de soja é ruim?

Não, o óleo de soja só é ruim para a saúde quando aquecido a mais de 180ºC.

O que é vitamina D

Apesar de denominada uma vitamina, é, na verdade, um hormônio lipossolúvel. Fonte da imagem: Freepik.

Apesar de ser denominada como “vitamina”, ela é, na verdade, um hormônio lipossolúvel, que pode ser encontrado em três fontes diferentes: nos alimentos, na forma de suplementos, e pode ser produzido pela pele, quando exposta à luz do sol.

Por meio da alimentação, apenas 20% das necessidades diárias são supridas.

Portanto, para casos de deficiência de vitamina D, é necessário o uso de suplemento de vitamina D e exposição solar (uma vez que a maior fonte de vitamina D é a pele, que precisa ser exposta ao sol para que a vitamina D seja metabolizada).

Tipos de vitamina D

Existem dois tipos de vitamina D:

Vitamina D2 (ergocalciferol)

A vitamina D2 é de origem vegetal. Fonte da imagem. Freepik.

A vitmina D2 é o tipo proveniente de fontes vegetais, como é o caso dos cogumelos.

Vitamina D3

A vitamina D3 é de origem animal, é a mesma produzida pelo nosso corpo. Fonte da imagem: Freepik.

Já a vitamina D3 é proveniente de fontes alimentares de origem animal, como é o caso do atum, salmão, sardinha, queijo, leite e ovos.

A vitamina D3 também é o tipo de vitamina D que é produzido pela nossa pele.

Qual a importância da vitamina D para o organismo?

O colecalciferol tem atividades biológicas importantes no organismo. Fonte da imagem: Freepik.

A vitamina D tem função biológica fundamental para a saúde do nosso organismo, principalmente quando se trata da saúde dos ossos e músculos.

Fortalecimento dos ossos e dentes

A vitamina D3 é o fortalece ossos e dentes. Fonte da imagem: Freepik.

A vitamina D é fundamental para a regulação dos níveis de cálcio e fósforo no organismo. Além disso, ela também é importante para a melhor absorção do cálcio.

O cálcio é um nutriente fundamental para o desenvolvimento e fortalecimento dos ossos e dentes.

Boa parte do cálcio do nosso corpo fica estocado nos ossos. Quando há falta de vitamina D, ocorre a diminuição dos níveis de cálcio e o organismo precisa movimentar o cálcio estocado dos ossos, o que os deixa mais fracos.

Fortalecimento dos músculos

É um nutriente essencial para a saúde dos músculos. Fonte da imagem: Freepik.

A vitamina D contribui para o aumento da massa muscular e aumento da força e resistência dos músculos.

Também exerce papel importante na contração muscular, promovendo um bom funcionamento muscular.

Fortalecimento do sistema imunológico

A vitamina D é responsável pelo fortalecimento do sistema imune. Fonte da imagrem: Freepik.

A vitamina D fortalece o sistema de defesa e equilibra a resposta imune. Isso porque ela estimula a ação de algumas células do sistema imune que são importante nas defesas contra infecções.

Além disso, tem ação anti-inflamatória, controlando a resposta inflamatória para que não haja excessos, o que é prejudicial à saúde.

Prevenção e tratamento de doenças autoimunes

A vitamina D protege contra o desenvolvimento de doenças autoimunes. Fonte da imagem: Freepik.

Por modular a resposta inflamatória e promover o equilíbrio do sistema imunológico, a vitamina D ajuda na prevenção e tratamento de doenças autoimunes, como a doença celíaca, lupus, esclerose múltipla e psoríase.

Melhora do sistema cardiovascular

Falta de vitamina D pode causar problemas no sistema cardiovascular. Fonte da imagem: Freepik.

Inibição da proliferação de células cancerígenas

A vitamina D  inibe a proliferação de células cancerígenas e contém o avanço tumoral. Fonte da imagem: Freepik.

A vitamina D inibe a carcinogênese, ou seja, a formação de células cancerígenas, e ajuda a controlar a progressão do tumor.

Além disso, pacientes com câncer com níveis ideais de vitamina D apresentam melhor qualidade de vida do que aqueles pacientes oncológicos com deficiência do nutriente. Isso porque apresentam menos cansaço, fadiga e fraqueza.

Controle da glicemia

A vitamina D estimula a produção de insulina, que controla os níveis de glicemia. Fonte da imagem: Freepik.

A vitamina D estimula a produção de insulina, hormônio que controla os níveis de glicose no sangue.

Além disso, torna as células mais sensíveis à insulina, mantendo a glicemia controlada e prevenindo desordens metabólicas como diabetes.

Quais as consequências da deficiência de vitamina D?

Uma das principais consequências da deficiência de vitamina D é a deficiência de cálcio, o que prejudica a saúde dos ossos e músculos.

Dores nos ossos é uma das princiapis consequências da falta de vitamina D. Fonte da imagem: Freepik.

Isso pode causar uma série de doenças como raquitismo, osteoporose e osteomalácia.

Além disso, a contração muscular fica prejudicada, o que pode fazer com que a pessoa tenha fraqueza muscular e cãibras.

Também pode haver perda de massa, força e resistência muscular.

Tomar vitamina D fortalece a imunidade e diminui as chances de infecções. Fonte da imagem: Freepik.

Uma outra consequência da falta de vitamina D é o enfraquecimento do sistema imunológico, tornando o indivíduo mais suscetível às infecções e doenças automimunes.

A falta de vitamina D também pode tornar o indivíduo mais propenso a desenvolver desordens metabólicas, como diabetes, uma vez que a vitamina D estimula a produção e sensibilidade à insulina.

Antes de gerar problemas de saúde mais sérios, o indivíduo com deficiência de vitamina D pode apresentar alguns sintomas:

  1. Fadiga
  2. Fraqueza
  3. Cãibra
  4. Atraso no crescimento
  5. Dor nos ossos
  6. Dor muscular
  7. Cáries e atraso no crescimento dos dentes
  8. Falta de ar
  9. Elevação da pressão arterial