Hoje vamos conhecer melhor a Creatina Optimum Nutrition, um dos produtos de suplementação de creatina mais procurados do mercado. Afinal, entre tantas marcas diferentes que estão disponíveis, muitos consumidores ficam em dúvida sobre qual escolher e se as marcas mais famosas realmente são boas.

A suplementação de creatina é popular entre atletas e fisiculturistas devido ao seu potencial em aumentar a capacidade de trabalho muscular, promover a recuperação e melhorar o desempenho geral nos treinos.

E, na hora de escolher qual creatina tomar, é importante conhecer mais de perto os diferenciais de cada marca, pois essa é a melhor forma de determinar qual produto tem o melhor custo-benefício para você. Então, aproveite as dicas a seguir e descubra se a Creatina Optimum Nutrition é boa!

Optimum Nutrition: marca internacional conhecida pela qualidade dos seus produtos

Optimum Nutrition Logo. Imagem retirada do site da Optimum Nutrition.

A Optimum Nutrition (ON) é uma empresa sediada nos Estados Unidos, estabelecida em 1986, com o compromisso de assegurar uma consistente qualidade em sua vasta linha de produtos de nutrição esportiva.

Em 2000, a ON alcançou um marco significativo ao se tornar pioneira na transformação de suplementos em pó, desenvolvendo formulações verdadeiramente instantâneas, de fácil diluição e consumo.

Em seu site oficial, a empresa se apresenta como uma marca confiável entre atletas por mais de 30 anos, ressaltando a sua tradição de décadas no mercado. O que se deve, segundo a Optimum Nutrition, principalmente devido à qualidade dos seus produtos, que são amplamente testados, e a qualidade das suas matérias-primas.

Creatina Powder Optimum Nutrition

Frasco de creatina Optimum Nutrition. Imagem: Amazon.

A Creatina Powder Optimum Nutrition é uma creatina do tipo monohidratada micronizada.

Sendo creatina micronizada, a Creatina Powder Optimum Nutrition passa por um processo a mais de filtragem, que quebra suas moléculas em partículas ainda menores. O resultado é um pó mais fino, com partículas mais pequenas que as moléculas da creatina monohidratada normal, para tornar ainda mais fácil a absorção do suplemento pelo organismo humano.

Lembrando que, a creatina monohidratada foi estudada de forma intensa por diversos pesquisadores. Logo, há inúmeros estudos científicos que comprovam a sua eficácia para apoiar o ganho de massa muscular, o ganho de força e a melhorar a recuperação muscular, desde que o suplemento seja consumido de forma consistente ao longo do tempo.

Lembrando que a creatina monohidratada micronizada possui todos os benefícios da creatina monohidratada convencional. Mas, por ser composta de partículas ainda menores, promete ser de mais rápida absorção pelo corpo do usuário.

Ingredientes da Creatina Powder Optimum Nutrition

A Creatina Powder Optimum Nutrition é 100% creatina monohidratada micronizada. Portanto, não contém nenhum ingrediente adicional em sua composição. Cada colher de chá do produto contém 5g de creatina.

O produto não tem sabor e está disponível em potes com 300g, 600g ou 1,2kg, rendendo respectivamente, segundo informações do rótulo da embalagem: 60 porções, 120 porções e 240 porções.

Benefícios da Creatina Powder Optimum Nutrition

Segundo informações da fabricante, a Creatina Powder Optimum Nutrition traz como principais benefícios:

Consumidores que já adquiriram a Creatina Powder Optimum Nutrition através do site da Amazon, disseram que a creatina é realmente boa, original, tem ótima qualidade, proporciona energia rápida para o organismo e apresenta bons resultados.

Na Amazon, o produto recebe uma nota de 4,6 estrelas, entre 5 possíveis, sendo que a grande maioria das avaliações são positivas. Portanto, um ótimo indicativo de que o produto é realmente bom.

Então, a Creatina Optimum Nutrition é boa? Vale a pena? Avaliação final

Creatina da Optimum Nutrition no canto esquerdo inferior da imagem e as mãos de um atleta segurando uma kettlebell. Imagem: site oficial da marca

Sim! A Creatina Optimum Nutrition é boa e vale a pena. Afinal, é uma creatina 100% pura, livre de conservantes, glúten e outros aditivos químicos com baixo valor nutricional.

Vale destacar que a Optimum Nutrition é uma marca internacional de renome, presente no mercado há mais de 30 anos, muito conhecida pelo seu Whey Protein, o Gold Standard 100% Whey, simplesmente o mais vendido no mundo.

Mas, além do Whey Protein, a Optimum Nutrition investe em qualidade e pureza de ingredientes em todos os seus suplementos. Sempre em busca de entregar produtos que atendam as necessidades de seus clientes da melhor forma. Portanto, a creatina da Optimum Nutrition se destaca como uma opção confiável, para quem está em busca de um suplemento realmente bom e que funcione.

Além disso, para quem busca uma creatina do tipo micronizada, essa opção da Optimum Nutrition é simplesmente uma das melhores disponíveis no mercado. No entanto, a marca não oferece uma alternativa de creatina monohidratada normal, que não seja micronizada.

Logo, para usuários que não tem preferência específica pela creatina micronizada, pode ser mais interessante consumir uma creatina monohidratada normal de outra marca confiável, já que dessa forma o preço provavelmente será menor e os benefícios serão muito similares.

Como tomar a Creatina Optimum Nutrition?

A fabricante sugere misturar uma colher de chá do produto com um copo de shake de proteína ou outra bebida da preferência do usuário, como água ou suco. Então, misturar bem até dissolver o produto por completo e tomar no horário da sua preferência.

Como a Creatina Powder Optimum Nutrition não tem sabor, não irá interferir no gosto das bebidas que o usuário escolha para dissolver o suplemento.

Creatina Optimum Nutrition engorda?

A creatina não engorda, porém provoca um aumento de massa muscular magra ao longo do seu tempo de uso. Isso significa que o usuário irá ganhar um pouco de peso, mas não gordura.

Além disso, quando o uso da creatina é interrompido, esse inchaço tende a diminuir.

Como a Creatina atua no organismo?

A creatina é um elemento natural que exerce uma função crucial ao fornecer energia aos músculos durante períodos de atividade física intensa e de curta duração. Ao ser ingerida e absorvida pelo organismo, a creatina é armazenada nos músculos na forma de fosfocreatina, uma reserva de energia prontamente disponível.

Então, durante esforços físicos intensos, como levantamento de peso ou sprints, a fosfocreatina é quebrada para regenerar o trifosfato de adenosina (ATP), a principal molécula de energia celular. Esse processo permite que os músculos mantenham níveis elevados de energia, retardando a fadiga e otimizando o desempenho físico.